Afinal, os Coríntios são torcedores do Corinthians?

A semelhança com os nomes Coríntios e Corinthians podem remeter à mesma paixão: o esporte. Os Coríntios são torcedores do Corinthians?

As passagens bíblicas nos revelam histórias que ajudam a diferenciar os termos e contextualizá-los para um melhor entendimento. Dessa forma, o conhecimento dos textos sagrados se torna imprescindível para o enriquecimento pessoal.

Mamãe sempre me disse:

“Política, religião e futebol não se discute”.

Para os mais radicais, torcer para um time de futebol é mais do que uma dependência psicológica, é um ato de fanatismo.

Podemos até mesmo definir a relação torcida x time de futebol como uma religião.

Confesso que, por convicções pessoais, não torço para nenhum time de futebol, mas eu torço por um monte de outras coisas.

  • Torço para que meus alunos conquistem seus objetivos;
  • Para que meus colaboradores “vistam a camisa” da empresa;
  • Para que minha família tenha sempre sucesso, paz e prosperidade.

É claro que sei reconhecer a grandeza dos clubes brasileiros, internacionais e seleções com suas histórias de conquistas.

Tenho amigos palmeirenses, que se apelidam de porcos (cada uma!?), os peixes santistas, os tricolores do São Paulo e os fiéis, ou, bando de loucos do Corinthians, rs…

Um certo dia me perguntaram se há alguma relação verdadeira entre as palavras Coríntios e Corinthians.

Como disse, não acompanho o dia a dia do futebol, mas essa é uma questão que certamente cria dúvidas em muita gente.

Afinal, os Coríntios são torcedores do Corinthians?

Nas leituras bíblicas que faço diariamente, em busca de obter mais conhecimento e consequentemente elevar o nível do meu poder de compreensão e memorização – principal desafio de quem deseja entender a palavra de Deus – os coríntios (Corinthian, em inglês) eram as pessoas que habitavam a cidade de Corinto, Grécia.

Foi lá que Paulo de Tarso – o apóstolo Paulo – em suas viagens missionárias viveu por aproximadamente dois anos para escrever suas epístolas às comunidades cristãs do local, isto é, aos Coríntios.

Nesse caso, não há rivalidade alguma, muito menos futebol envolvido, certo?

“Mesmo se eu tivesse o dom da profecia, se conhecesse todos os mistérios e toda a ciência; se tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tiver caridade, não sou nada” (Epístola aos Coríntios – Cap. 13).

Mas, e os corintianos?

Esses sim são torcedores do Corinthians, nome inspirado em um clube inglês chamado Corinthian Football Club, que desembarcou no Brasil em 1910 para uma série de partidas amistosas na cidade de São Paulo.

A atuação dos inventores do futebol chamou a atenção de um grupo de operários paulistas que assistiram aos jogos e resolveram batizar o time dos amigos de Corinthians.

Nascia então no dia 1 de setembro de 1910 o Sport Club Corinthians Paulista. Quem diria!

Ainda pesquisando um pouco mais, pude constatar que o time inglês se chama Corinthian em homenagem justa aos Coríntios, assíduos esportistas daquele tempo.

A cidade de Corinto sediava jogos de inúmeras modalidades, em uma competição que se assemelhava muito aos moldes das Olimpíadas que conhecemos hoje.

Portanto, se você é corintiano, saiba que acima de tudo sua paixão pelo esporte fala mais alto.

Talvez um recado direto para quem põe o fanatismo na frente do verdadeiro significado da prática esportiva.

Mas será que a nação em sua maioria sabe de tudo isso?

Bom, nesse caso um plano de leitura da Bíblia seria muito bem-vindo, não é verdade?

Sempre afirmo em meus trabalhos e palestras a importância do fortalecimento da memória através das técnicas de memorização, que devem ser usadas em todos os momentos da vida.

Após aprender a usar os métodos para ler mais e reter um volume maior de conteúdo, em especial o bíblico, me dei conta de como minha mente se encontrava em um estado letárgico.

Você bem sabe que encontrar um tempo dentro da rotina acelerada na qual estamos inseridos é um desafio e tanto, não é mesmo?

Então, o que fará a diferença é a forma como você estimula sua concentração, foco e leitura.

Da mesma forma que um torcedor fanático devora revistas, livros, álbuns de figurinhas de seu time favorito, a oportunidade de se ler a Bíblia diariamente, de conhecer a fundo suas passagens e capítulos nos enriquecem de história, conhecimento e fortalece nossa fé.

Eu desejo toda sorte do mundo ao seu time de coração, seja ela o time de futebol, vôlei ou o time de voluntários para um trabalho social de sua igreja.

Sua atitude de querer aprender mais sobre as origens dos termos, seus significados e personagens abastecem a sua memória e aumenta mais o seu vocabulário. O futebol e a Bíblia estão repletas deles.

Assim como fiz, desperte sua curiosidade e busque a rica conexão que existe entre o saber, o mundo moderno e a fé.

Gostou do artigo, o que acha de compartilhar essa informação com alguns torcedores do Corinthians? Leia também este sobre a relação entre internet e a Bíblia.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!