Glória: O que é segundo a bíblia

Por 5 Min de Leitura

O que é Glória segundo a Bíblia?

A palavra “glória” é frequentemente mencionada na Bíblia e possui um significado profundo e poderoso. Na sua essência, a glória é a manifestação da presença e do poder de Deus. Ela está intrinsecamente ligada à sua majestade, santidade e grandeza. Ao longo das Escrituras, a glória de Deus é descrita de várias maneiras, revelando diferentes aspectos do seu caráter e do seu relacionamento com a humanidade.

A Glória de Deus na Criação

Desde o início, a glória de Deus foi evidente na criação do mundo. No livro de Gênesis, lemos que Deus criou os céus e a terra, e tudo o que há neles, com sua palavra poderosa. Através desse ato magnífico, a glória de Deus foi revelada aos seres humanos, que foram feitos à sua imagem e semelhança. A criação é um testemunho da grandeza e do poder de Deus, refletindo a sua glória de forma visível.

- Publicidade -

A Glória de Deus na História de Israel

A glória de Deus também foi manifestada de maneira especial na história do povo de Israel. Durante o Êxodo, Deus libertou os israelitas da escravidão no Egito e os conduziu pelo deserto em direção à Terra Prometida. Durante essa jornada, a glória de Deus se manifestou de várias maneiras, como a coluna de nuvem durante o dia e a coluna de fogo durante a noite. Essas manifestações visíveis da glória de Deus eram um sinal da sua presença e do seu cuidado pelo povo escolhido.

A Glória de Deus no Tabernáculo e no Templo

No Antigo Testamento, a glória de Deus também estava associada ao tabernáculo e ao templo. Quando o tabernáculo foi construído, a glória de Deus encheu o lugar de forma tão intensa que Moisés não conseguia entrar. Da mesma forma, quando o templo foi dedicado pelo rei Salomão, a glória de Deus desceu sobre o lugar, enchendo-o com a sua presença. Essas manifestações da glória de Deus eram um lembrete constante do seu poder e santidade.

A Glória de Deus na Encarnação de Jesus

A maior manifestação da glória de Deus aconteceu na pessoa de Jesus Cristo. O apóstolo João escreveu que “o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade; e vimos a sua glória, como a glória do Unigênito do Pai” (João 1:14). Jesus, o Filho de Deus, veio ao mundo para revelar a glória do Pai e para trazer salvação à humanidade. Sua vida, morte e ressurreição são a maior demonstração do amor e da glória de Deus.

- Publicidade -

A Glória de Deus na Vida dos Crentes

A glória de Deus não se limita apenas às manifestações do passado, mas também está presente na vida dos crentes hoje. O apóstolo Paulo escreveu que “Cristo em vós, a esperança da glória” (Colossenses 1:27). Quando uma pessoa se entrega a Jesus e recebe o Espírito Santo, a glória de Deus passa a habitar nela. Isso significa que os crentes são chamados a refletir a glória de Deus em suas vidas, através de suas palavras, ações e atitudes.

A Glória de Deus na Eternidade

A glória de Deus também está relacionada à eternidade. A Bíblia fala sobre um novo céu e uma nova terra, onde a glória de Deus será plenamente manifestada. O livro de Apocalipse descreve uma cidade santa, a Nova Jerusalém, onde não haverá mais dor, tristeza ou morte. Nesse lugar, a glória de Deus brilhará de forma incomparável, iluminando tudo com a sua presença. A eternidade será um tempo de adoração e comunhão perfeita com Deus, onde a sua glória será desfrutada em sua plenitude.

Conclusão

A glória de Deus é um tema central na Bíblia e revela a sua majestade, santidade e poder. Ela está presente na criação, na história de Israel, no tabernáculo e no templo, na encarnação de Jesus, na vida dos crentes e na eternidade. A glória de Deus é algo que vai além da nossa compreensão humana, mas podemos experimentá-la e refleti-la em nossas vidas. Que possamos buscar conhecer e viver em comunhão com o Deus glorioso, que nos criou e nos ama incondicionalmente.

Compartilhe Este Artigo