Ana e Elcana: Estudo e Esboço sobre Casamento

Por Tyago Rodrigues 6 Min de Leitura

Hoje vamos mergulhar em um estudo profundo sobre como blindar seu casamento, inspirado nos ensinamentos de Ana e Elcana em 1 Samuel 1:4-8.

Neste artigo, exploraremos esse trecho bíblico rico em sabedoria e traremos um esboço valioso que você pode usar para uma futura pregação.

Se você é alguém que valoriza a família e está em busca de orientações sólidas para fortalecer seu casamento, este é o lugar certo para você.

⁴ E sucedeu que no dia em que Elcana sacrificava, dava ele porções a Penina, sua mulher, e a todos os seus filhos, e a todas as suas filhas.
⁵ Porém a Ana dava uma parte excelente; porque amava a Ana, embora o Senhor lhe tivesse cerrado a madre.
⁶ E a sua rival excessivamente a provocava, para a irritar; porque o Senhor lhe tinha cerrado a madre.
⁷ E assim fazia ele de ano em ano.
Sempre que Ana subia à casa do Senhor, a outra a irritava; por isso chorava, e não comia.
⁸ Então Elcana, seu marido, lhe disse: Ana, por que choras? E por que não comes? E por que está mal o teu coração? Não te sou eu melhor do que dez filhos?

1 Samuel 1:4-8
Ana e Elcana: Estudo e Esboço sobre Casamento

Introdução

O termo “blindagem” é utilizado para descrever uma proteção máxima, especialmente no contexto de um casamento que requer constante cuidado e preservação.

No cenário bíblico do Antigo Testamento, as famílias frequentemente eram compostas por um patriarca que tinha múltiplas esposas.

- Publicidade -

Embora a Bíblia mencione isso, não sugere que tal prática esteja de acordo com a vontade de Deus. Aliás Ele planejou originalmente uma única “auxiliadora idônea” (Gênesis 2:18).

O Novo Testamento, por sua vez, enfatiza que um homem deve ser “marido de uma única mulher” (I Timóteo 3:2 e 12).

No entanto, o nosso foco aqui não é debater esse ponto.

Elcana estava casado com Ana e enfrentou diversas dificuldades devido à esterilidade dela, mas o casamento deles permaneceu blindado, o que permitiu que eles perseverassem juntos e construíssem uma família. (I Samuel 2:21).

Como blindar o Meu Casamento?

A seguir vamos analisar o relacionamento de Ana e Elcana para identificar como podemos blindar nossos casamentos:

- Publicidade -

Blindagem por meio do amor

⁵ Porém a Ana dava uma parte excelente; porque amava a Ana, embora o Senhor lhe tivesse cerrado a madre.

1 Samuel 1:5

Elcana era um homem que temia a Deus e buscava abençoar sua família sob a orientação divina.

Ele fazia sacrifícios por sua família e alguns ainda mais excelentes por Ana, demonstrando um amor profundo.

O amor é a principal defesa que blinda um casamento contra adversidades.

O Apostolo Paulo, em I Coríntios 13, lista algumas características que são completamente opostas ao amor, como ciúmes, arrogância, egoísmo, irritabilidade e ressentimento (I Coríntios 13:4-6).

Ou seja, todas essas atitudes devem ser vencidas pelo amor!

Blindagem por meio da persistência

⁷ E assim fazia ele de ano em ano. Sempre que Ana subia à casa do Senhor, a outra a irritava; por isso chorava, e não comia.

1 Samuel 1:7

Essa blindagem visa proteger o casamento contra interferências negativas nos relacionamentos e se baseia em perseverança.

Ana tinha uma rival chamada Penina, que a perturbava constantemente.

No entanto, Elcana continuava a manter seu compromisso com Ana, independentemente das circunstâncias, e estava sempre pronto para orar pela família.

A perseverança é essencial para proteger a família de influências externas que possam prejudicar o casamento.

Mesmo que surjam situações ou pessoas que tentem interferir no casamento, a persistência é fundamental.

- Publicidade -

Blindagem emocional

⁸ Então Elcana, seu marido, lhe disse: Ana, por que choras? E por que não comes? E por que está mal o teu coração? Não te sou eu melhor do que dez filhos?

1 Samuel 1:8

Essa blindagem é voltada para as emoções e visa proteger a vida do cônjuge contra sentimentos negativos, oferecendo consolo.

Quando Ana estava triste, Elcana a consolou e se colocou à disposição para atender às suas necessidades, afirmando que seu amor e companhia eram mais do que suficientes.

O consolo, carinho e amizade devem ser elementos constantes no casamento para proteger as emoções.

Todos os dias, desafios surgem para abalar a alegria do casal, e, por isso, é crucial proteger as emoções.

Lembre-se de que sentimentos negativos, como raiva e tristeza, são temporários e podem ser superados com paciência.

Conclusão

Ana e Elcana enfrentaram desafios em seu casamento, mas conseguiram fortalecê-lo e blinda-lo de maneira que encontraram felicidade.

Em resposta a todas as perguntas de Elcana a Ana, a resposta fundamental foi o amor.

Você também pode blindar o seu casamento:

  • Por meio do amor constante, mesmo diante de adversidades;
  • Com perseverança na oração para evitar interferências negativas;
  • Oferecendo consolo um ao outro sempre que surgirem preocupações.
Compartilhe Este Artigo
Follow:
Me chamo Tyago Rodrigues e sou totalmente apaixonado pelo reino de Deus e sua obra! O que queima em meu coração? Levar o Evangelho libertador às pessoas, através do ensino da Palavra de Deus, e é isso que tenho feito!
Deixe um comentário