3 Tipos de Pregações Abandonadas nos Púlpitos Modernos

Esses 3 tipos de serões 'sumiram' porque os ministros escolhem um texto para pregar baseado na 'vontade do povo' e não na 'vontade de Deus'.

Por: Jesus Nos Ensina

1. Pregação sobre a Cruz

Não se ouve mais pregações sobre a morte de Jesus em nosso lugar, e o consequente chamado ao arrependimento para obter a salvação que ele conquistou. Precisamos restaurar essa tão urgente mensagem.

2. Pregação sobre o Fim dos Tempos

Uma outra temática de pregação que parece inexistente nos púlpitos atuais é sobre o fim dos tempos. Sermões sobre Arrebatamento da Igreja, a Grande Tribulação, o céu, o inferno, não estão sendo mais pregados. Foram substituídas por sermões sobre prosperidade e sucesso.

3. Pregação sobre Santidade

O terceiro tipo de pregação que praticamente desapareceu das igrejas de hoje são sermões sobre santidade. O chamado à separação do pecado, ao testemunho cristão, a pureza de vida, precisam ser restaurados nos nossos púlpitos novamente.

Na sua opinião, por que essas pregações desapareceram de muitos púlpitos hoje? Em minha concepção é porque os ministros escolhem um texto para pregar baseado na 'vontade de ouvir do povo' e não na 'vontade de falar de Deus'.

Mas como escolher um Texto para Pregar

Tenho observado que no meio de ministros da Palavra existem muitos iniciantes e/ou experientes se questionando a respeito de como escolher um bom texto para pregar. Entenda que a escolha do texto irá depender muito do propósito que você tem na pregação.

Então nunca se questione o que o povo quer ouvir e sim o que o povo precisa ouvir.

Entenda a importância da oração na escolha de um texto para pregar

O fator mais importante para a escolha do texto bíblico para pregar é a vontade de Deus, e por isso é necessário que o pregador comece buscando à Deus em oração. Nunca negligencie o que é talvez o mais óbvio, porem o mais necessário, a oração!

Uma mensagem preparada e pregada na dependência do Espírito Santo é poderosa para quebrantar o mais duro coração e forte o suficiente para alimentar a alma mais decadente.

Clique Para Mais Dicas de Como Escolher o Que Pregar