Os 5 Sentidos do Casamento: Estudo e Esboço de Pregação

Por Tyago Rodrigues 10 Min de Leitura

Assim como nossos 5 sentidos nos permitem explorar o mundo ao nosso redor, há também 5 “sentidos” essenciais para um casamento saudável e feliz.

Neste post, vamos mergulhar em um estudo profundo sobre os 5 sentidos do casamento, oferecendo a você um esboço sólido para uma pregação inspiradora.

Se você é alguém que valoriza sua família e deseja aprofundar seu entendimento sobre os princípios bíblicos que sustentam o casamento, este conteúdo é perfeito para você.

Vamos explorar como o olfato, o paladar, a visão, o tato e a audição se traduzem em aspectos cruciais para uma união sólida e duradoura.

⁴ A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim o marido. Da mesma forma, o marido não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim a mulher.

1 Coríntios 7:4
Os 5 Sentidos do Casamento: Estudo e Esboço de Pregação

Introdução

A Bíblia apresenta ensinamentos espirituais que requerem fé para serem compreendidos.

- Publicidade -

Um desses ensinamentos é a ideia de que quando um homem e uma mulher se casam, eles se tornam uma só carne, conforme mencionado em pelo menos três passagens bíblicas (Gênesis 2:24, Marcos 10:8, Efésios 5:31).

Portanto, no plano divino, o casal não é mais composto por duas pessoas separadas, mas sim por uma unidade indivisível.

A matemática de Deus demonstra que 1+1=1.

A união entre o casal deve ser tão profunda a ponto de torná-los uma única alma.

Como isso é possível?

- Publicidade -

Isso ocorre através do vínculo estabelecido pelo amor perfeito do Senhor, pois, como afirmado em Colossenses 3:14, “sobre tudo isso, porém, esteja o amor, que é o vínculo da perfeição.

Como o casal pode se tornar uma só carne?

O corpo humano possui 5 sentidos naturais que contribuem para a sua completude, e a partir deles, podemos refletir sobre a união perfeita no matrimônio:

1º Sentido do Casamento: Visão

A visão orienta a vida de uma pessoa, pois ela geralmente vai na direção para onde olha.

No casamento, se um parceiro olha para uma direção e o outro para outra, a pergunta de Amós 3:3 se torna relevante: “andarão dois juntos, se não houver entre eles acordo?

Portanto, é essencial que marido e mulher compartilhem uma visão comum e estejam dispostos a enxergar as coisas do ponto de vista um do outro.

Além disso, a visão espiritual desempenha um papel crucial (1 Coríntios 2:14) ao “iluminar os olhos do coração” (Efésios 1:18).

Satanás trava uma batalha para cegar os olhos espirituais do casal e abrir seus olhos para o mundo material (2 Pedro 2:14).

O primeiro casal, Adão e Eva, inicialmente compartilhava uma visão pura e contemplava a glória de Deus.

No entanto, após sucumbirem à tentação do inimigo, seus olhos espirituais foram obscurecidos, e começaram a esconder-se da presença de Deus, enxergando suas próprias fraquezas e cobrindo seus corpos.

Portanto, é importante que você e sua esposa compartilhem uma visão comum e busquem a iluminação espiritual para enxergar a verdadeira glória de Deus.

- Publicidade -

2º Sentido do Casamento: Audição

A audição é a fonte de aprendizado e compreensão, sendo a base para a compreensão mútua no casamento.

Marido e mulher devem ouvir um ao outro e discernir quais vozes ao redor deles merecem atenção.

O casamento não pode suportar uma inundação de opiniões externas, portanto, é essencial que o casal seja seletivo em relação ao que ouve.

Para um casal cristão, ouvir a Palavra de Deus é fundamental, pois ela é a fonte da fé (Romanos 10:17). Ou seja, ouvir a voz do Senhor também é crucial.

A Bíblia apresenta exemplos de personagens que ouviram a voz de Deus e, mesmo diante de circunstâncias aparentemente impossíveis, como Abraão e Sara, acreditaram na promessa do Senhor.

No seu casamento, vocês têm se ouvido mutuamente e buscado ouvir a voz de Deus para orientar o futuro da relação?

3º Sentido do Casamento: Olfato

O olfato permite perceber os odores e avaliar se são agradáveis antes de experimentá-los.

Mesmo sendo invisível, o cheiro pode influenciar se um ambiente é agradável ou não.

O casal deve ser capaz de reconhecer o aroma um do outro, pois o cheiro pode revelar muito sobre o estado emocional do parceiro.

No entanto, muitas vezes, os seres humanos perdem essa capacidade…

- Publicidade -

O lar do casal deve ser impregnado com o aroma da presença de Cristo, como ocorreu na casa de Marta, Maria e Simão, onde, após Jesus chegar e trazer vida, a casa se encheu do perfume do bálsamo.

O casamento deve emanar esse aroma de unção.

Portanto, é importante que o casal tenha sensibilidade para reconhecer o cheiro do parceiro e discernir o que é agradável e inspirador para a relação.

Isso também requer discernimento espiritual.

Vocês têm reconhecido o aroma um do outro e buscado perfumar seu casamento com a presença de Cristo?

4º Sentido do Casamento: Paladar

O paladar proporciona o sabor, tornando a vida mais interessante e prazerosa.

No casamento, os parceiros devem aprender, dia após dia, a apreciar o gosto um do outro.

Ter um bom gosto e buscar o que é melhor para o relacionamento é fundamental.

Há um ditado que diz que “o caminho para o coração de um homem passa pelo estômago”, e isso é verdade, pois o bom gosto conquista.

Por isso, tanto o marido quanto a esposa devem se esforçar para satisfazer os gostos um do outro.

- Publicidade -

É importante que as palavras usadas no casamento sejam temperadas com graça e sabedoria, agradando ao outro e não amargando a relação.

Como está o sabor do seu casamento? Vocês têm procurado temperar o relacionamento com amor?

5º Sentido do Casamento: Tato

O tato permite sentir o toque de alguém e é a capacidade de ser sensível.

O casamento deve ser caracterizado pela sensibilidade, com cada parceiro percebendo os sentimentos e necessidades do outro.

É essencial que um compreenda o que o outro está sentindo, como mencionado em Filipenses 2:2: “tende o mesmo amor, sejais unidos de alma, tendo o mesmo sentimento”.

Muitos casamentos sofrem porque os parceiros se tornam insensíveis um ao outro.

No entanto, a sensibilidade é fundamental, pois o amor é a emoção mais profunda que alguém pode sentir.

A Bíblia compara a lepra ao pecado, e um dos sintomas da lepra é a perda da sensibilidade, que impede a pessoa de sentir até mesmo a dor do fogo queimando em sua pelo.

Isso se assemelha ao estado de uma pessoa que está no pecado e se torna insensível às necessidades do próximo.

Portanto, o casamento deve combater o pecado que enfraquece a relação e esfria o amor.

- Publicidade -

Um casal completo tem de desenvolver esses 5 sentidos

Para ser um casal completo, é importante compartilhar esses 5 sentidos: visão, audição, olfato, paladar e tato.

Na convivência, é necessário se esforçar para desenvolver esses sentidos em comum, mesmo que as diferenças de pensamento ou valores morais possam ser significativas.

Então reflita sobre como estão esses sentidos em seu casamento:

  • Como está a visão no seu casamento? Vocês têm buscado enxergar as coisas juntos e compreender a vontade de Deus para vocês?
  • Como está a audição no seu casamento? Vocês têm se esforçado para ouvir um ao outro e para ouvir a voz de Deus?
  • Como vocês sentem o cheiro em seu casamento? Vocês têm reconhecido o aroma um do outro e buscado perfumar seu casamento com a presença de Cristo?
  • Como está o paladar do seu casamento? Vocês têm buscado ter um gosto e um sabor agradável um ao outro?
  • Como está o tato no seu casamento? Vocês têm sido sensíveis um ao outro e à presença de Deus?

Conclusão

Para ser um casal completo, é necessário estar unido não apenas no corpo (vida íntima) e na alma (relacionamento), mas também no espírito (presença de Deus).

Na convivência do casal, é fundamental preparar-se para compartilhar esses 5 sentidos e desenvolver uma compreensão mútua profunda.

Aliás, mesmo diante de diferenças, é possível fortalecer a união por meio da visão compartilhada, da audição atenta, do aroma de unção, do paladar agradável e do tato sensível.

Compartilhe Este Artigo
Follow:
Me chamo Tyago Rodrigues e sou totalmente apaixonado pelo reino de Deus e sua obra! O que queima em meu coração? Levar o Evangelho libertador às pessoas, através do ensino da Palavra de Deus, e é isso que tenho feito!
Deixe um comentário