Será que sexo oral no casamento é pecado? E o sexo oral antes do casamento? 

O sexo oral é pecado? Verdade Revelada!
O sexo oral é pecado? Verdade Revelada!

A verdade é que o sexo oral pode ser uma maneira agradável de trazer mais intimidade, prazer e conexão se realizado dentro do casamento

Se isso não acontecer no seu casamento e você quiser, converse com seu cônjuge. Não o pressione. 

Se ele não está confortável ​​com isso, fale sobre os motivos. Uma melhor comunicação leva a uma melhor relação sexual.

É pecado fazer sexo oral?

Essas perguntas estão se tornando cada vez mais comuns à medida que os jovens aprendem que “sexo oral não é realmente sexo”.

De fato, várias revistas o promovem como sexo ‘mais seguro‘ e como alternativa à relação sexual. 

Obviamente, os que fazem essas questões são os cristãos se perguntando o que é permitido no leito conjugal. 

Os não-cristãos não fazem essas perguntas porque geralmente não têm os mesmos padrões morais nem o Espírito Santo os constrangindo contra certas atitudes. 

O mesmo Deus criador do céu e da terra foi quem criou o sexo. O sexo é maravilho e Deus quer que o façamos muito. Isso inclui sexo oral, porém apenas nos limites do casamento. 

Tyago, e antes do casamento? Sexo oral é pecado? Qualquer maneira de sexo, relação sexual ou sexo oral é proibida antes do casamento. 

Deus não diz em exatas palavras: “Você não fará sexo antes de se casar”, mas em diversos textos bíblicos temos estas afirmações.

Inclusive você pode ler e estudar estes versos no seguinte artigo: Sexo Antes do Casamento é Pecado? Leia isto!

Sempre que o sexo é mencionado na Bíblia, é um símbolo da união entre um homem e uma mulher dentro do casamento. 

Todos os tipos de consequências negativas são introduzidos quando o sexo acontece fora do contexto do casamento: doenças sexualmente transmissíveis, AIDS, gravidez indesejada, dano emocional, culpa e a lista continua.

Então, sexo oral não é pecado?

O mundo em que vivemos é sobre gratificação instantânea. É tudo sobre você e o que você quer. 

No entanto, sexo não é sobre você; é sobre o presente que você está dando ao seu cônjuge e o presente que o seu cônjuge está lhe dando. 

Agora, de volta à questão principal, sexo oral. Há algumas coisas a serem lembradas. Filipenses 2: 3-5 é aplicável e diz:

“Não faça nada por ambição egoísta ou vaidade. Cada um de vocês deve olhar não apenas para seus próprios interesses, mas também para os interesses do outro. Sua atitude deve ser a mesma de Jesus Cristo. ”   

O sexo oral não é pecado dentro do casamento. Ao buscar a sabedoria de Deus, talvez seja útil fazer essas três perguntas sobre qualquer prática sexual que você e seu marido estejam considerando:

1. É permitido na Bíblia? É proibido nas Escrituras? Caso contrário, podemos assumir que é permitido. 

2. É benéfico? Esse ato sexual de alguma forma prejudicaria a mim ou a minha esposa ou dificultaria nosso relacionamento sexual? 

3. Envolve mais alguém? A atividade sexual é sancionada por Deus somente para marido e mulher. 

Se uma prática sexual envolve outra pessoa ou pornografia, isso é errado, com base em Hebreus 13: 4 , que nos adverte a manter o leito do casamento intacto.

O que a Bíblia diz sobre sexo oral?

Existem duas passagens veladas na Bíblia que muitos teólogos acreditam pertencer ao sexo oral

O primeiro é Cântico de Salomão 2: 3 :

Como uma macieira entre as árvores da floresta, tal é o meu amado entre os filhos; desejo muito a sua sombra, e debaixo dela me assento; e o seu fruto é doce ao meu paladar.

A palavra fruto refere-se aos órgãos genitais. Às vezes é equiparado ao sêmen; portanto, é possível que essa passagem seja uma referência a uma carícia genital oral.

A segunda referência velada possível é encontrada em Cântico de Salomão 4: 16 :

“Desperta, vento norte, e vem, vento sul! Sopre no meu jardim, para que sua fragrância se espalhe por toda parte. Deixe meu amado entrar em meu jardim e provar seus frutos escolhidos. ”

Essas palavras eróticas ditas pela noiva de Salomão estão no clímax de uma cena de amor muito sensual. 

Parece que ela pede ao marido que sopre em seu jardim (uma referência poética usada em toda a canção para a vagina) e faça com que suas especiarias fluam. 

É claro que não se pode ter certeza, mas é possível que a esposa de Salomão esteja convidando o marido para excitá-la, acariciando-a com a boca. 

Ela então o convida a entrar nela e deleitar-se com os prazeres que esperam em seu “jardim”.

O Sexo é um Presente de Deus

Clifford e Joyce Penner, em seu livro O Sexo e um Presente de Deus, dão a seguinte definição de sexo oral:

“Sexo oral ou estimulação oral é a estimulação dos órgãos genitais do seu parceiro com a boca, lábios e língua. O homem pode estimular o clitóris da mulher e a abertura da vagina com a língua ou a mulher pode agradar o pênis do homem com a boca. ”

Essa estimulação sexual pode ou não levar ao orgasmo do marido e da esposa. 

Para a maioria das mulheres, a relação sexual por si só não proporciona prazer suficiente para o orgasmo. Portanto, a estimulação manual e / ou oral é uma grande necessidade! 

O sexo oral pode ser uma otima maneira de trazer mais intimidade, prazer e conexão em seu casamento. 

O sexo oral é pecado? Verdade Revelada!

O sexo oral é pecado? Palavras finais

Enfim o uso da boca em contato com o órgão genital é pecado ou não? Isto depende das circunstâncias em que se está fazendo.

Está sendo realizado dentro do casamento? O marido quer e a esposa também quer? Existe um abuso de uma das partes, obrigando a outra a fazer o que não quer? Um dos cônjuges tem nojo disso? Os cônjuges têm prazer nisso?

Estas são perguntas legítimas a serem feitas, para dar a resposta se sexo oral é, ou não, pecado.

Amados, muitos pastores, por posição PESSOAL, ensinam coisas que traz ‘sofrimento’ ao casal.

Estas são posições PESSOAIS, e nada têm a ver com obedecer à Palavra de Deus, se a Palavra de Deus não especifica o ato como pecado.

Ninguém, mas ninguém MESMO, em sua igreja, tem a ver com o que você e seu marido, ou você, irmão, e sua esposa, fazem dentro do quarto de vocês, entre vocês, a menos que um dos dois esteja sendo forçado a fazer o que não quer.

O corpo da esposa pertence ao marido, mas o corpo do marido também pertence à esposa. O corpo do casal, enquanto uma só carne, não pertence ao pastor, ou a algumas opiniões, a favor ou contra!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!