A IMPORTANCIA de DIZIMAR E OFERTAR

Paz, leitores! Hoje teremos como base para nosso estudo bíblico sobre dizimar e ofertar os versículos 1 Timóteo 6:10, Mateus 6:24.

Lhe garanto que ao concluir a leitura ira mudar completamente sua visão a respeito de dízimos e ofertas.

O amor ao dinheiro é a raiz de todos os males – 1 Timóteo 6:10

O próprio versículo bíblico deixa claro que o dinheiro em si não é mau.

Na verdade a Bíblia diz que a riqueza é uma dádiva de Deus (Deuteronômio 8:18). Então o que o versículo bíblico condena é o pecado da avareza, isto é, o amor ao dinheiro.

Deus é o único provedor de nossas necessidades. Então, por que na maioria das vezes buscamos o dinheiro primeiro e deixamos Deus por último?

É a maior prova a Deus e a nós mesmos, que não temos DINHEIRO e BENS MATERIAIS a frente do senhor quando temos o habito de dizimar.

Sem falar que está é a forma que nosso Pai nos Deus criou para contribuirmos com o crescimento do seu reino.

Não sei você, mas eu QUERO ESTAR NO NEGÓCIO, quero caminhar, contribuir e crescer com JESUS!!!

Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro – Mateus 6:24

Vocês não podem servir a Deus e às riquezas. Por isso é que eu lhes digo: não fiquem preocupados com a vida, com o que comer; nem com o corpo, com o que vestir.

Afinal, a vida não vale mais do que a comida? E o corpo não vale mais do que a roupa?

E por que vocês ficam preocupados com a roupa? Olhem como crescem os lírios do campo: eles não trabalham nem fiam.

Eu, porém, lhes digo: nem o rei Salomão, em toda a sua glória, jamais se vestiu como um deles. Ora, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe e amanhã é queimada no forno, muito mais ele fará por vocês, tenha !

Portanto, não fiquem preocupados, dizendo: O que vamos comer? O que vamos beber? O que vamos vestir?

Os pagãos é que ficam procurando essas coisas. O Pai de vocês, que está no céu, sabe que vocês precisam de tudo isso.

Pelo contrário, em primeiro lugar busquem o Reino de Deus e a sua justiça, e Deus dará a vocês, em acréscimo, todas essas coisas.

Portanto, não se preocupem com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã terá suas preocupações. Basta a cada dia a própria dificuldade.”

A quem nós servimos? Estamos caindo na idolatria do dinheiro, do deus mercado?

Segundo o Antigo Testamento, dá-se culto ao dinheiro de três formas:

Mediante a injustiça direta (roubo, fraude, assassinato para ter mais). O dinheiro se converte no bem absoluto, acima de Deus, do próximo e de si próprio.

Mediante a injustiça indireta, o egoísmo, que não prejudica diretamente o próximo, mas faz com que nos despreocupemos de suas necessidades. Infelizmente o ditado “cada um na sua, e o outro que se vire!” rege a maioria de nossas relações sociais.
Mediante a inclinação pelos bens deste mundo, que nos fazem perder a fé na Providência. E obviamente essa inclinação nos leva ao acúmulo desmedido de bens, entrando na correria frenética do consumismo.

Crer na Providência não significa cruzar os braços diante das necessidades próprias ou alheias, mas evitar a angústia, confiando em que Deus nos ajudará através de nosso esforço e de outras pessoas.

Dizimar e Ofertar é a Chave para destravar sua comunhão com Deus

Quero concluir este artigo lhe encorajando a caminhar mais com o senhor e provar para si mesmo que seu coração é de Deus, dinheiro e bens materiais não são tudo em nossas vidas. Parece difícil não é?

Confia em teu Deus e honre o seu reino com as primícia (primeira parte/dizimo) de sua renda e seja abençoado (Provérbios 3:9-10).

Porem dê ao reino conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria. (2 Coríntios 9:7)

Dizimando e ofertando com alegria alem de estar dentro do negocio com Deus, contribuindo com seu reino, está deixando de ser refém do dinheiro e tornando ele seu refém! Você não vive por dinheiro e sim ele por você… Você se desprende do mundo e consegue ver e sentir a graça de Deus mais de perto.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!